CASA CONSTRUIR 2016

O projeto baseia se em uma linha simples de raciocínio, abrir o container para o público e desta forma convidá-lo a usufruir do espaço. As cores e as combinações se completam: madeiras, metais, fios, luz, preto e vermelho, elementos contraditoriamente complementares recebem o indivíduo. 
O elemento protagonista, a madeira, funde os ambientes criando um espaço contínuo, onde os espaços interno e externo mesclam, agregando a todos de uma forma coerente. 
A cozinha, em vermelho, sobrepõe a neutralidade das cores externas, atraindo os olhares para além do espaço denominado como social e de convívio. Na presunção de um impacto visual, o indivíduo é atraído para a base onde os serviços acontecem, o coração do restaurante
Por fim, a arte urbana na lataria externa, integra os elementos do bar ao ambiente, proporcionando toda a miscigenação e singularidade espacial do projeto.

premiação: prêmio IAB - MG, mensão honrosa Edifício comercial

arquitetos: parceria com bernardo horta arquiteto e zargos arquitetos.

colaboradores: débora camargos, joão pedro lacerda e rodrigo pereira

local: lagoa santa /mg

fotografia: henrique queiroga

grafites: babajung + thiago alvim

IMPLANTAÇÃO: A proposta de implantação dos containers foi sugerida com intuito de aproximar os usuários que transitassem para visitações ao local a partir da criação do átrio central. O espaço do restaurante, objeto de nosso projeto, ficou em uma posição privilegiada devido a insolação sul da fachada frontal e estar de frente para a lagoa.

RESTAURANTE: Continuando o raciocínio da implantação, decidimos propor algo que conectasse o usuário transeunte ao espaço interno do restaurante.

corte longitudinal restaurante container da Casa Construir de 2016
corte transversal restaurante container da Casa Construir de 2016